ECONOMIA

BNDES cortará crédito em 20% no ano que vem



Os recursos liberados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) em 2014 deverão ficar em R$ 150 bilhões, em torno de 20% abaixo dos R$ 190 bilhões esperados para este ano.

A indicação foi dada pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, em entrevista à agência de notícias ‘Bloomberg’, num esforço para indicar que a política de repasses aos bancos públicos será desmontada e para recuperar a credibilidade das contas públicas com os investidores estrangeiros e agências de classificação de risco.

Esta sinalização teve início em setembro e passou a ser assumida nas declarações públicas de Mantega e do presidente do BNDES, Luciano Coutinho, a partir de outubro. Coutinho passou a indicar que o banco de fomento concentraria seus esforços no financiamento aos investimentos em infraestrutura.

Fonte: Portal A Tarde
Foto: Reprodução

Postagens mais visitadas