ECONOMIA

Na 14ª queda seguida, mercado baixa para 0,52% previsão de alta do PIB



Após o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) ter informado que a economia brasileira teve retração de 0,6% no segundo trimestre deste ano e que estaria em "recessão técnica", o mercado financeiro revisou novamente para baixo sua estimativa de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) deste ano.

O PIB é a soma de todos os bens e serviços feitos em território brasileiro, independentemente da nacionalidade de quem os produz, e serve para medir o crescimento da economia. A recessão técnica se caracteriza por dois trimestres seguidos de PIB negativo.

De acordo com a pesquisa com economistas dos bancos divulgada nesta segunda-feira (1) pelo Banco Central, a expectativa para o crescimento da economia do país em 2014 recuou de 0,70% para 0,52% na semana passada.

O relatório divulgado pelo BC é fruto de pesquisa com mais de 100 instituições financeiras na semana passada.

As projeções do mercado para o PIB têm caído ao longo do ano. Esta foi a 14ª redução consecutiva do indicador. Em julho, o jornal britânico "Financial Times" comparou esse movimento à "dança da cordinha", brincadeira em que o desafio é passar por baixo de uma corda que fica mais perto do chão a cada rodada.

Fonte: G1
Foto: Divulgação

Postagens mais visitadas