Economia: Inadimplência do consumidor cresce quase 16% no 1º trimestre

Inadimplência do consumidor cresce quase 16% no 1º trimestre



No primeiro trimestre do ano, a inadimplência do consumidor cresceu 15,8%, em relação ao mesmo período de 2014, segundo pesquisa da Serasa Experian, divulgada nesta quarta-feira (15).

Na comparação de março de 2015 com o mesmo mês do ano passado, a alta também foi expressiva, de 13,4%. Já entre fevereiro e março deste ano, o aumento foi menor, de apenas 0,2%.

"As altas das taxas de juros, da inflação e do desemprego determinaram elevação dos níveis de inadimplência do consumidor neste primeiro trimestre de 2015", dizem os economistas da Serasa, em nota.

Os cheques sem fundos foram os responsáveis pelo crescimento do índice em março de 2015, de acordo com o levantamento. Essa modalidade de crédito teve aumento de 25,1%. Na sequência, estão os títulos protestados, com avanço de 25%.

O índice não subiu mais porque as dívidas não bancárias (junto aos cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços como telefonia e fornecimento de energia elétrica, água etc.) e a inadimplência com os bancos apresentaram queda de 2,3% e 1,5%, respectivamente.

Fonte: G1
Foto: A/D
Página anterior Próxima página